Programação artística acontece de sexta (13) a domingo (15) e conta ainda com espetáculo teatral, performance e atividades infantis

Foto: Thiago Matine

Música, dança, performance, teatro e atividades infantis compõem a diversificada programação da Estação das Artes nos próximos dias. O complexo, que integra a Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secult – CE, com gestão em parceria com o Instituto Mirante, está aberto à visitação a partir desta quinta-feira (12), com a exposição do Centro de Design e da Pinacoteca do Ceará, e promove atividades artísticas gratuitas para toda a família de sexta (13) a domingo (15).

A Praça da Estação é o ponto de partida das atrações de sexta, com a apresentação do espetáculo “Ceará Minha Terra Meu Viver”, do grupo de Tradições Folclóricas Raízes Nordestinas, e da performance sonoro-visual “Ode ao Mar Atlântico”, desenvolvida pelos artistas Eric Barbosa, Eden Barbosa, Diego Maia, Rami Freitas, Natália Parente, Wellington Gadelha e Nego Gallo.

Composto por danças populares cearenses e por outras de projeção folclórica, intercaladas por músicas do cancioneiro popular, “Ceará Minha Terra Meu Viver” incentiva a preservação e a difusão das nossas raízes, sobretudo reforçando e valorizando a nossa riqueza histórica e cultural. O grupo se apresenta no fim de tarde, das 17h30 às 18h10.

Em seguida, de 18h30 às 20h30, é a vez da performance “Ode ao Mar Atlântico”, um trabalho que finca sua pesquisa tendo o “transe” como elemento de investigação nas linguagens artísticas de um tripé que envolve arte sonora (métodos instalativos sonoros), música exploratória/improvisada (introspecção) e células rítmicas de músicas de terreiro, ambientadas em manifestações afro-brasileiras presentes nos ritos de umbanda e candomblé (transe corporal/ litúrgico).

Enquanto isso, os restaurantes do Mercado AlimentaCE estarão abertos, com o som da DJ Lua Magnética de 18h30 até 21h.

Homenagem à Gal Costa

No sábado (14), as mulheres tomam conta da Gare da Estação na festa “Divino Maravilhoso”, que mescla ritmos carnavalescos e outras brasilidades. O set começa com a DJ Ana Mundim (parceria Sesc), das 16h às 17h, e é seguido pelo coletivo As Serpentinas. Integrado pelas DJs Ada Porã, Kaka Di Paula e Maria Tavares, o grupo traz um repertório musical e contextual voltado para as festas carnavalescas. O projeto chega para dar as boas vindas à alegria, à calorosidade e à beleza próprias do carnaval, passeando pelos batuques, cocos, maracatus, frevos, xaxados, sambas, axés, carimbós, indo até a cumbia.

Às 19h30, a cantora Mel Mattos faz um tributo a Gal Costa (1945-2022), em um show com sucessos como “Barato Total”, “Tigresa”, “Vapor Barato”, “Força Estranha”, entre outros. Mel canta Gal como uma homenagem àquela que foi uma de suas maiores referências musicais e também com o intuito de criar uma certa nostalgia na antiga geração de apreciadores da música brasileira, sem deixar de flertar com os novos ouvintes da baiana.

A programação é voltada para maiores de 18 anos, com distribuição de pulseiras a partir das 16h, uma por pessoa, mediante lotação do espaço neste evento (1.200 participantes). Vale ressaltar que a comedoria coletiva do Mercado AlimentaCE também estará aberta durante a realização da festa.

Roda de Choro e atividades infantis
O Domingo na Estação, que já tem um lugar garantido na agenda das famílias cearenses, chega com novidades nesta quinzena. É que durante cinco domingos consecutivos acontecerá o projeto “Chorinho na Estação”. A partir da pesquisa e curadoria de Tauí Castro, músico, produtor cultural e pesquisador na área do Choro, será traçado um panorama do Choro Contemporâneo Alencarino, a fim de valorizar músicos/musicistas compositores/as que seguem atuantes no cenário musical de Fortaleza, reverenciando igualmente os mestres e mestras que são a referência dessa nova geração do gênero. Cada roda trará ainda algumas participações especiais de músicos da cena nacional.

Para a primeira, os convidados são Macaúba do Bandolim, Brenna Freire, Eric Diógenes, Jorge Cardoso, Otílio Moura, Rômulo Santiago e Grupo Cordas que Falam. A roda acontece de 13h às 15h, durante o almoço no Mercado AlimentaCE.

Antes, de 12h às 13h, a cantora Simone Souza realiza o show “Banzo”. As canções escolhidas representam um caminho de aprendizado, orgulho, autoconhecimento e aceitação, trazendo à tona questões como auto aceitação, afirmação da identidade negra e olhares coletivos de luta e trabalho, da tristeza pelas mortes diárias e da esperança por uma morte que signifique um recomeço. É sobre ancestralidade, respeito, amor, cura e fé. E sobre se descobrir e construir uma história enquanto cearense, negra e mulher.

Em parceria com o Sesc, a Estação das Artes recebe ainda a DJ MRS, de 11h às 12h, e a oficina “Mãos na Massa: Modelando para Imaginar”, com Rebeka Lúcio. Pela manhã, a criançada poderá aproveitar também a pintura em papel craft, conduzida pelos monitores do Complexo, e o espetáculo “O Galinheiro de Bragança”, do Grupo Galhofo, sobre as desventuras de uma galinha de penas pretas que chega para morar em um galinheiro onde somente galinhas brancas vivem.

Exposições

Interessados em apreciar as exposições em cartaz no Complexo, podem visitá-las de quinta à sábado, de 12h às 20h (última entrada: 19h30), e domingo, de 10h às 18h (última entrada: 17h30). São elas:

Centro de Design do Ceará

> Tempo Presente

Pinacoteca do Ceará

> Amar se Aprende Amando
> No Lápis da Vida não Tem Borracha
> Se Arar
> Negros na Piscina
> Cosmopolíticas
> Quando o vento sopra (inclui instalação na Plataforma da Estação das Artes)

Serviço

Complexo Cultural Estação das Artes
Endereço: Rua Dr. João Moreira, 540 – Centro

Horário de Funcionamento:

Quinta: 12h às 20h (último acesso: 19h30)
Sexta: 12h às 21h
Sábado: 12h às 21h
Domingo: 9h às 18h (último acesso: 17h30)

Entrada gratuita.

Programação artística completa

Quinta-feira (12/01)

12h às 20h – Visitas às exposições da Plataforma da Estação das Artes, do Centro de Design e da Pinacoteca do Ceará

Sexta-feira (13/01)

17h30 às 18h10 – Espetáculo “Ceará Minha Terra Meu Viver”, do Grupo de Tradições Folclóricas Raízes Nordestinas
18h30 às 20h30 – Performance “Ode ao Mar Atlântico”, com Eric Barbosa, Eden Barbosa, Diego Maia, Rami Freitas, Natália Parente, Wellington Gadelha e Nego Gallo.

Sábado (14/01)

Divino Maravilhoso

16h às 17h – DJ Ana Mundim (Parceria Sesc)
17h às 19h30 – As Serpentinas
19h30 às 21h – Tributo a Gal Costa (Mel Mattos)

*Evento para maiores de 18 anos, com distribuição de 1.200 pulseiras a partir das 16h.

Domingo (15/01)

9h às 13h – Pintura infantil
10h às 11h – Espetáculo “O Galinheiro de Bragança”, do Grupo Galhofo
11h às 13h – Oficina infantil “Mãos na Massa: Modelando para Imaginar”, com Rebeka Lúcio (Parceria Sesc)
11h às 12h – DJ MRS – Maira Sales (Parceria Sesc)
12h às 13h – Show “Banzo”, de Simone Souza
13h às 15h – Roda de Choro Tradicional, com Macaúba do Bandolim, Brenna Freire, Eric Diógenes, Jorge Cardoso, Otílio Moura, Rômulo Santiago e Grupo Cordas que Falam

Endereço

Rua das Amélias, nº 1234 – Bairro
Fortaleza – Ceará

Contato

Receba nossas novidades

Endereço

Rua das Amélias, nº 1234 – Bairro

Fortaleza – Ceará

Contato

Receba nossas novidades

© Copyright 2022 Instituto Mirante. Todos os Direitos Reservados.