Foto: Felipe Abud | Secultce

O trem chega novamente à Estação. No próximo dia 24 de abril, de 9h ao meio-dia, acontece mais um “Domingo na Estação”. Com as obras físicas praticamente concluídas e os equipamentos culturais em fase de implementação, o Complexo Cultural Estação das Artes está surgindo em Fortaleza de mansinho e oferece neste domingo mais uma programação para todas as idades. Além da oportunidade de passear pelas lindas instalações restauradas da antiga Estação João Felipe e a Esplanada das Artes, a comunidade se aproxima cada dia mais da proposta do espaço que alia arte, cultura e educação. O Complexo Cultural integra a Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará), com gestão em parceria com o Instituto Mirante, após investimento do Governo do Ceará.

Na Gare, área de eventos da Estação, a DJ Priscila Delgado tocará a partir das 9h, dando o ritmo com muita música latina. Pesquisadora dos gêneros musicais latinoamericanos e responsável pelos projetos Viva La Pachanga, Castilho Delgado e Women of Reggae, Priscila promete muita animação na manhã deste domingo. Será um bom local para relaxar e se divertir com a família, com direito a barracas com comidinhas e bebidas montadas ao longo do espaço.

E tem mais: na última hora, de 11 às 12h, a DJ Priscila Delgado vai animar a garotada com um bailinho de Carnaval. E todos vão ter direito à oficina de customização de máscaras para entrar no clima do fim de semana. A oficina acontece também ali na Gare e será ministrada pela artista e moradora do Pirambu, Ana Eliza Andrade, que desde 2017 desenvolve projetos culturais itinerantes com crianças de vários bairros a partir do coletivo Natora.

Ainda na Gare, de 9 às 12h, acontece o ateliê de criação “Trem das cores” para crianças de 5 a 10 anos. A atividade mediada pelas arte-educadoras Amanda Bessa e Lia Mota vai contar com um passeio pelo Complexo seguido de ateliê, onde as crianças poderão explorar diferentes técnicas como desenho, pintura e colagem na construção de uma obra coletiva. Amanda Bessa experimenta arte e acessibilidade em seus trabalhos e, com olhos cuidadosos e ouvidos atentos, faz da sua trajetória um caminho entrelaçado entre o fazer e o aprender constantes. Lia Mota trabalha com produção cultural, audiovisual e arte educação, fez vários projetos na área e gravou alguns filmes. A atividade tem a coordenação de Cris Soares e Luciana Rodrigues, gestoras de arte e educação. A estação promete uma manhã de muita alegria e sensibilidade.

Às 10h, acontece no pátio do Centro de Design a conversa sobre a exposição “Nos trilhos do tempo”, com os fotógrafos Chico Gomes e Regivaldo Freitas. A exposição em cartaz este mês é uma imersão na memória da antiga estação ferroviária. A conversa será mediada por Enrico Rocha, mestre em Linguagens Visuais que atua na interseção entre comunicação, educação e artes.

Às 11hs acontece a visita com a presença dos fotógrafos à Plataforma da Estação, onde está exposto o ensaio com 30 imagens que propõem um passeio pela história sobre aqueles trilhos. Seguindo a melhor tradição da fotografia documental realizada no Ceará, as imagens retratam o cotidiano dos trens urbanos e da Estação João Felipe, que até 2014 era destino e partida de milhares de pessoas diariamente. Tomando as pessoas e suas vivências, as fotos mostram o espírito e a memória da estação ferroviária e a importância do lugar na vida da cidade.

Sobre o Complexo Cultural Estação das Artes

O espaço abre ao público aos domingos com uma programação cultural gratuita, realizada das 9h às 12h. O projeto “Domingo na Estação” tem a proposta de apresentar o complexo cultural em uma construção coletiva desses espaços com o público cearense, além de oferecer atividades de lazer.

Com 67 mil m², o Complexo Cultural Estação das Artes implantará, gradualmente, os seguintes equipamentos: a Estação das Artes, o Mercado Gastronômico, o Centro de Design, o Museu Ferroviário e a Pinacoteca do Ceará, além da novas sedes da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará) e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional do Ceará (Iphan-CE).

Serviço:
Domingo na Estação
Dia: 24/04/2022
Horário: 9h às 12h
Endereço: Rua Dr. João Moreira, 540, Centro
Gratuito e aberto ao público

PROGRAMAÇÃO “DOMINGO NA ESTAÇÃO”
9h às 12h – DJ Priscila Delgado
11h às 12h – Bailinho de Carnaval e oficina de máscaras com Ana Eliza Andrade
9h às 12h – “Trem das cores” – Mediação para crianças (5 a 10 anos) e ateliê de criação com Amanda Bessa e Lia Mota.
10h – Conversa sobre a exposição “Nos trilhos do tempo”, com os fotógrafos Chico Gomes e Regivaldo Freitas.
11h – Visita à exposição “Nos trilhos do tempo”, com a presença dos fotógrafos.

*Barracas com comidinhas e bebidas para toda a família.

Endereço

Rua das Amélias, nº 1234 – Bairro
Fortaleza – Ceará

Contato

Receba nossas novidades

Endereço

Rua das Amélias, nº 1234 – Bairro

Fortaleza – Ceará

Contato

Receba nossas novidades

© Copyright 2022 Instituto Mirante. Todos os Direitos Reservados.