Mostra de curtas infantis e aula aberta seguida de lançamento de livro trazem cinema, literatura e fotografia para o MIS neste fim de semana (28 e 29 de maio)

Imagem do filme “Le Retour”, de Natalia Chernysheva. A animação faz parte da programação do MIS-CE

O Complexo do Museu da Imagem e do Som do Ceará (MIS-CE) oferece neste fim de semana (28 e 29/05) uma programação diversificada contemplando cinema para crianças, literatura e fotografia para adultos. As atividades acontecem na Praça do MIS e são gratuitas. O MIS é um equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará), gerido em parceria com o Instituto Mirante.

No sábado (28), as famílias estão convidadas a levarem suas crianças para curtir o 4º Cine MIAU – Mostra Internacional Infantil de Audiovisual, a partir das 18h, na Praça do MIS. O Cine Miau oferta diferentes curtas-metragens oriundos do Brasil e do mundo, que abordam temas relacionados a questões como cidadania, protagonismo infantojuvenil, diversidade cultural, meio-ambiente, psicologia infantil, entre outras. Neste sábado, serão exibidos curtas da França, Suécia, Holanda, China e Brasil. O acesso é gratuito.

As exibições do Cine Miau ocorrem em vários lugares de Fortaleza, Maracanaú e Itapipoca, em salas tradicionais de cinema e também em espaços públicos, como a Praça do MIS. O evento é uma realização do Instituto Seara de Cultura e Desenvolvimento e da Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo, via Lei de Incentivo à Cultura, com produção de Invento Produções Culturais e D’grau Produções.

No domingo (29), será realizada a aula aberta e o lançamento do livro “Memórias Sangradas: Vida e morte nos tempos do cangaço”, de Ricardo Beliel, às 17h na Praça do MIS. A programação acontece em parceria com o QXAS – Festival de Fotografia do Sertão Central, e também é aberta ao público. Ricardo Beliel apresentará o processo de concepção e criação de seu livro, que é resultado de mais de uma década de pesquisas no Nordeste brasileiro. Lançada pela Editora Olhares, com apoio do programa Rumos Itaú Cultural, a obra reúne histórias de 43 personagens que tiveram suas vidas diretamente ligadas ao cangaço, fenômeno que dominou o interior de sete estados nordestinos entre os anos 1920 e 1940 e está impregnado no imaginário cultural popular brasileiro. Além disso, o livro traz 125 fotografias autorais e históricas.

Ricardo Beliel é jornalista, fotógrafo e professor. Entrou para o jornalismo como fotógrafo em 1976, e desde então colaborou com inúmeros veículos nacionais e internacionais, ganhou diversos prêmios e participou de dezenas de exposições em diversos locais do Brasil e do mundo.

Além dessa programação, o MIS continua com a exposição interativa “Laboratório dos Sentidos” em cartaz de quinta a domingo. A exposição ocorre dentro do Casarão do MIS, uma edificação histórica e tombada, que comporta em média 20 visitantes simultâneos. Por isso, são organizados grupos que entram a cada 20 minutos, tempo em que permanecem no espaço experimentando os diversos aparelhos. O acesso ocorre por ordem de chegada, das 13h às 20h30 (com o museu fechando às 21h). Ao chegar no museu, o visitante deve informar seu nome na entrada da exposição, e assim é registrada a ordem de chegada. Os visitantes então recebem a previsão de seu horário de entrada no espaço, podendo aguardar na praça ou retornar no horário previsto. A entrada é gratuita.

SERVIÇO
>> Evento: 4º Cine Miau
Data: 28 de maio de 2022 (sábado)
Horário: 18h
Local: Praça do MIS -CE
Entrada: Gratuita
FILMES:

Maestro
Dir.: Illogic
Animação, 1’49’’, 2019, 10 anos, França
Sinopse: Nas profundezas de uma floresta, um grupo de animais selvagens inicia uma ópera noturna, conduzida por um esquilo.

A Small Escape
Dir: David Sandell
Aventura, 2’40’’, 2016, Livre, Suécia.
Sinopse: Uma tesoura escapa de uma cozinha. O par de tesouras se conecta com outros objetos (lápis, post-it’s e rolos de fita) para se transformar em um pássaro e voar pela janela.

O Menino e o Ovo
Dir: Juliana Capilé
Drama, 11’59’’, 2020, Livre, Brasil
Sinopse: Em Cuiabá, uma das capitais mais quentes do Brasil, Joana escuta na escola que é possível fritar um ovo no asfalto, de tão quente que é o chão. Proibida pela mãe de testar com os ovos de casa, a menina tenta de várias formas, até que um menino cruza seu caminho e muda o rumo de sua experiência.

Barquinhos
Dir: David Reeks, Renata Meirelles, Fernanda Heinz
Documentário, 1’52’’, 2014, Livre, Brasil
Sinopse: De caixas de isopor quebradas surgem, das mãos dos meninos de Tatajuba, as canoas de brincar. Esculpir, cortar e costurar – tudo na precisão exata para deixar a alma navegar.

Salu e o Cavalo Marinho
Dir: Cecilia da Fonte
Animação, 13’35’’, 2014, Livre, Brasil
Sinopse: O filme conta a história de Mestre Salustiano, um dos artistas populares mais famosos do Brasil. Filho do rabequeiro João Salustiano, Salu logo cedo sonha em participar de um grupo de Cavalo Marinho, folguedo típico da região onde mora.

Bicicleta
Dir: Sophie Olga de Jong e Sytske Kok
Animação, 2’15’’, 2018, Livre, Holanda
Sinopse: Uma pequena história sobre uma menina que aprende a andar de bicicleta com seu avô e descobre que onde a estrada termina começa a verdadeira aventura

Every Star
Dir: Yawen Zheng
Animação, 3’20’’, 2015, Livre, China
Sinopse: Um garoto misterioso do campo coleta estrelas e as envia para todas as crianças da cidade que são incapazes de ver as estrelas através do céu urbano nebuloso

O voo
Dir: Manoela Ziggiatti
Documentário, 12’, 2015, Livre, Brasil
Sinopse: Aos 3 anos, Vitor veste sua capa e está pronto para voar.

Raone
Dir: Camila Santana
Documentário, 2’21’’, 2021, Livre, Brasil
Sinopse: Raone tem quatro anos e gosta de fantasiar, correr, brincar de boneca e fazer bolhas de sabão. Enquanto cria suas histórias e descobre o mundo vai traçando uma infância alegre e livre de estereótipos.

Le Retour
Dir: Natalia Chernysheva
Animação, 1’, 2012, Livre, França / Rússia
Sinopse: Quando crescemos descobrimos que os lugares e objetos que conhecíamos antes são muito menores do que em nossa memória.

>> Evento: Aula aberta + Lançamento de livro “Memórias sangradas: vida e morte nos tempos do cangaço”, com Ricardo Beliel
Data: 29 de maio de 2022 (domingo)
Horário: 17h
Local: Praça do MIS -CE
Entrada: Gratuita

Memórias Sangradas: Vida e morte nos tempos do cangaço
Autor: Ricardo Beliel
Publicação: Editora Olhares, com apoio do programa Rumos Itaú Cultural
320 páginas
Formato 18x25cm, capa dura
125 fotografias
Preço: R$ 129

Endereço

Rua das Amélias, nº 1234 – Bairro
Fortaleza – Ceará

Contato

Receba nossas novidades

Endereço

Rua das Amélias, nº 1234 – Bairro

Fortaleza – Ceará

Contato

Receba nossas novidades

© Copyright 2022 Instituto Mirante. Todos os Direitos Reservados.